O governador do Acre, Gladson Cameli, avaliou como positivo o 27° Fórum de Governadores da Amazônia Legal, sediado no estado nesta quinta, 11, e sexta-feira, 12. Após assinar os acordos de cooperação, Cameli falou com a imprensa e destacou a união com o Estado, União e Judiciário em prol do desenvolvimento sustentável.

Esta foi a primeira vez que o fórum teve uma câmara destinada a debater as causas dos Povos Indígenas.

Gladson Cameli avaliou que encontro somou esforços e resultados. Foto: José Caminha/Secom

“Precisamos estar unidos, cuidar da Amazônia, da região Norte, pensar nas pessoas para focar no futuro. E, com cada um fazendo a sua parte, a gente vai diminuir as diferenças. Também quero agradecer, de coração, a todos os que vieram de seus estados para o Acre, um estado que lutou para ser brasileiro”, disse o governador.

Gladson Cameli destacou a importância da união dos governadores para potencializar os investimentos para os estados da Amazônia.

“O discurso diminuiu e a prática aumentou. Ontem nós recebemos recursos do Fundo da Amazônia, sendo o primeiro estado a receber esse recurso, e estamos com várias articulações. O governo federal tem marcado presença e, com essa união, estamos focando nas pessoas”, destacou.

Ministros e governadores da Região Norte celebram o aporte de R$ 98 milhões do Fundo Amazônia ao Acre. Foto: José Caminha/Secom

O fórum, segundo o chefe do Executivo, é a oportunidade para que os gestores possam debater possam debater as necessidades da Amazônia.

“Discutimos as faltas, as necessidades, a realidade de cada estado. O que nós não vamos permitir é que sejamos pautados por outros países, porque a soberania é nossa. Quem vive na Amazônia sabe os problemas que temos. Sabemos nossos deveres e precisamos focar no desenvolvimento e nas pessoas”, frisou.

O ministro do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome, Wellington Dias, destacou que esses encontros são cruciais para o desenvolvimento da Amazônia.

“Através do fórum, nós vamos integrar as ações para o Acre, para todos os estados da Amazônia Legal, que são nove estados, com o trabalho, com programas, com investimentos de 24 ministérios. Aqui me alegrou muito a câmara indígena, que deve dar bons resultados”, destacou.

Durante a abertura do Fórum, governador destacou a importância do encontro para a promoção do desenvolvimento da Amazônia. Foto: Diego Gurgel/Secom

O 27° Fórum de Governadores da Amazônia Legal ocorreu entre quinta e sexta-feira, 11 e 12, no auditório do Detran, em Rio Branco. Pautas que envolvem desenvolvimento sustentável e preservação foram debatidas em diversas câmaras temáticas. O evento foi finalizado com a leitura da carta com os apontamentos.

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *